Euro 6 vai ajudar as vendas de implementos!
Setor de implementos rodoviários deve fechar ano com 165 mil unidades vendidas

O total de emplacamentos de implementos rodoviários em junho superou a média mensal do primeiro semestre. No mês foram entregues ao mercado 13.133 unidades, enquanto a média é de 12.500 produtos. “Estamos há dois meses consecutivos registrando volume de emplacamentos acima da média do período o que pode indicar a formação de uma curva positiva de crescimento“, explica José Carlos Spricigo, presidente da ANFIR-Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários.

No acumulado do ano, o total de produtos vendidos foi de 75.052 unidades. No segmento Pesado foram entregues 40.234 unidades enquanto no setor Leve 34.818 produtos.

Previsão 2022

O mercado de implementos rodoviários em 2022 deverá ser de 165 mil unidades. O resultado deverá ficar próximo ao obtido em 2021, quando foram vendidos 163 mil implementos rodoviários. Na distribuição por segmento, a ANFIR estima que poderão ser 80 mil Pesados e 85 mil Leves.

O segundo semestre apresenta dois fatores que devem concorrer favoravelmente para impulsionar as vendas. Um deles é o movimento de antecipação de renovação de frota de caminhões, que historicamente traz reflexos positivos às vendas de implementos rodoviários. A ação deverá acontecer porque em janeiro de 2023 entra em vigor o Proconve 8, que prevê como padrão para os caminhões a motorização Euro VI.

O segundo fator é a realização da Fenatran, que costuma ser o polo atrativo de negócios para o setor. “Com esses dois fatores a indústria terá condições de minimizar as eventuais perdas e manter um patamar de unidades emplacadas semelhante a do exercício anterior“, conclui o presidente da ANFIR.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

+ dessa categoria
Rock na estrada!

Rock na estrada!

Rock in Rio aquece as reservas de viagens de ônibus pela Buser

+ categorias