Dana chega aos 75!
Dana celebra 75 anos de Brasil e quer ampliar participação no mercado de reposição, montadoras e exportação

A Dana comemora, no dia 10 de julho, 75 anos de atividades no Brasil e dá continuidade ao crescimento de seus negócios no País, ampliando a sua participação no mercado de reposição, fornecimento às montadoras e na exportação. “Um feito igualado por poucos”, define Raul Germany, presidente da Dana no Brasil, para a trajetória da empresa nesse período.

Com foco na excelência e sustentabilidade de suas operações e programas, a Dana lidera a transformação que já está ocorrendo no setor rumo à descarbonização e a veículos movidos a combustíveis renováveis e sustentáveis. A empresa, líder global em sistemas de transmissão e propulsão eletrificada, está preparada para atender as oportunidades em eletrificação, no Brasil e no exterior, com novas tecnologias para abastecer mercados em transição acelerada, como América do Norte, Europa e China, assim como nas regiões em que se dará de forma mais gradual, como o Brasil, demais países da América Latina e Índia.  

Na última década, a Dana investiu mais de R$ 1 bilhão no Brasil para o crescimento do pacote de produtos, modernização de linhas de produção e o aprimoramento de processos. Com quase quatro mil funcionários no Brasil e operações em Gravataí (RS), Campinas, Jundiaí, Limeira e Sorocaba (SP), suas soluções estão presentes em todos os caminhões e ônibus e na grande maioria dos automóveis e picapes fabricados ou comercializados no Brasil, além de máquinas e equipamentos dos mais variados tipos e aplicações. A empresa segue à frente de inovadores projetos de mobilidade, incluindo a eletrificação e descarbonização de veículos comerciais, em linha com a busca mundial por alternativas de energia menos poluentes. “Oferecemos todos os elementos de um sistema eletrificado completo e integrado, indo muito além dos componentes”, destaca Germany. “Seguimos ajudando a escrever a história da indústria e de nossas comunidades, sempre evoluindo e nos reinventando”, completa.

Além de desenvolver, integrar e fabricar componentes e sistemas que ajudam a mover veículos da forma mais eficiente e limpa possível, a Dana almeja seu próprio funcionamento sustentável ao continuamente buscar minimizar o impacto ambiental de suas atividades, incluindo a redução global de 50% de suas emissões de CO2 até 2035.

Para isso, implementa ao redor do mundo e no Brasil vários programas inovadores, como a recente adoção da compostagem de resíduos orgânicos de seus refeitórios e da poda de vegetação, a reciclagem de 100% dos resíduos de borracha, a fertirrigação de efluentes com zero emissões e o apoio à logística reversa de embalagens de seus produtos no mercado de reposição, dentre outros.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

+ dessa categoria
Repasse importante!

Repasse importante!

CCR AutoBAn repassou R$ 65 milhões para municípios da região no primeiro semestre

+ categorias