ZF reposiciona!
ZF reposiciona Divisão de Sistemas de Segurança Passiva de forma independente

A ZF decidiu reposicionar sua Divisão de Sistemas de Segurança Passiva e torná-la independente até o final de 2023. Essa decisão visa abrir novas opções estratégicas de atuação para o negócio de sistemas de proteção de ocupantes e é resultado de uma revisão contínua sobre o portfólio ZF. A empresa avaliou a crescente transformação do negócio por um lado e o potencial de crescimento de áreas de negócios tradicionais, como é o caso dos sistemas de segurança passiva, por outro. Em uma nova configuração, a empresa enxerga melhores condições para gerar um crescimento mais forte e uma expansão sustentável para o segundo maior negócio do mundo no segmento de tecnologia de segurança passiva, envolvendo investidores externos.

Os sistemas de tecnologias de segurança passiva incluem airbags, cintos de segurança e volantes. Eles representam um negócio independente que opera em grande parte não afetado pela transformação na indústria automotiva e tem alto potencial de crescimento. No entanto, são necessários recursos de investimento adicionais para explorar esse potencial.

O Grupo ZF decidiu, portanto, reposicionar sua bem-sucedida Divisão de Sistemas de Segurança Passiva até o final de 2023 e torná-la independente. Essa medida serve para dar à Divisão mais opções estratégicas para o seu desenvolvimento futuro e, assim, alcançar maior crescimento. Isso pode incluir a entrada de investidores externos que podem melhorar o acesso a capital de crescimento adicional. Essa opção fortalecerá de forma sustentável a pretensão da Divisão de ser a empresa mais inovadora do mercado e voltada para o futuro.

“A Divisão de Sistemas de Segurança Passiva tem sido uma história de sucesso contínuo para o Grupo ZF desde que foi adquirida em 2015. Nos últimos sete anos, a ZF transformou a Divisão na segunda maior do mundo em sistemas de segurança passiva. Devido à transformação do negócio de mobilidade, estamos planejando reposicionar o negócio de segurança”, disse Wolf-Henning Scheider, CEO do Grupo ZF.

Hoje, a Divisão de Sistemas de Segurança Passiva tem uma participação de mercado de cerca de 25% das vendas globais de equipamentos de segurança passiva, com potencial significativo para cima. O abrangente portfólio de produtos inclui componentes individuais e sistemas de segurança passiva completos para vários segmentos de veículos, desde veículos pequenos no segmento de volume até os veículos de luxo mais sofisticados.

Martin Fischer, membro do Conselho Executivo do Grupo ZF e responsável pela Divisão de Sistemas de Segurança Passiva, acrescentou: “Estratégica e financeiramente, estamos em uma posição confortável com lucros estáveis e representativos. Esses são independentes dos desenvolvimentos disruptivos que caracterizam atualmente a indústria automotiva. Ao mesmo tempo, esse negócio se beneficiará das megatendências de maior segurança veicular e direção autônoma”.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Seguindo em frente!

Seguindo em frente!

DNIT segue trabalhando para entregar obras de adequação da BR-230/PB, em Campina Grande

Mais acessível!

Mais acessível!

Região serrana do Rio atrai turismo de inverno com passagens de ônibus acessíveis

Olho no meio ambiente!

Olho no meio ambiente!

Uso de asfalto reciclado pela Arteris pode reduzir em até 50% as emissões de CO2 em comparação ao material convencional

+ categorias