Com cartão!
Pagamento de pedágio com cartão por aproximação agora também é aceito nas rodovias concedidas a Tebe

Desde o inicio da semana as praças de pedágio operadas pela concessionária TEBE, responsável por 156 quilômetros de malha viária nas regiões de Bebedouro, Barretos, Catanduva, Pirangi e Taquaritinga, passam a receber pagamento por cartão de débito e crédito por aproximação. Com a adesão dos três pontos de cobrança da concessionária, passam a ser 118 praças de pedágio que aceitam essa modalidade de pagamento nas rodovias concedidas do Estado, sob gestão da ARTESP – Agência de Transporte do Estado de São Paulo. Delas, 81 aceitam cartão de crédito e débito e 37 somente débito.

As três praças de pedágio da Tebe – nas rodovias Brigadeiro Faria Lima (SP-326), Comendador Pedro Monteleone (SP 351) e José Della Vechia/Orlando Chesini Ometto (SP-323) foram equipadas para receber este tipo de pagamento com cartões que tenham a tecnologia NFC (Near Field Communication), que não exige a digitação de senha. Basta conferir se o seu cartão utiliza essa plataforma.

Atualmente, a forma de pagamento já é aceita em mais de 64% das praças de pedágio das rodovias concedidas do Estado de São Paulo. “Com o pagamento com cartão por aproximação, o motorista ganha mais conforto e segurança, com paradas mais ágeis nas praças de pedágio e maior fluidez do trânsito”, explica Milton Persoli, diretor geral da ARTESP.

O uso desta tecnologia começou em 2020, com investimentos das concessionárias Ecovias e Ecopistas, as primeiras a implantar a ferramenta nas praças de pedágio das rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI) e do Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Olha a multa aí!

Olha a multa aí!

Senatran reforça que motoristas com exame toxicológico atrasado receberão multa de balcão

Saindo mais uma!

Saindo mais uma!

Nova Fiat Strada alcança marco de meio milhão de unidades produzidas no Polo Automotivo de Betim

+ categorias