Notícias do Dia

Mais uma facilidade

0

Truckpad lança aplicativo para pagamentos

O TruckPad, maior plataforma da América Latina de conexão entre cargas e caminhoneiros autônomos, está lançando um carteira digital que vai permitir que os motoristas recebam o pagamento de seus fretes e o utilizem em produtos e serviços automotivos (ou transfiram para suas contas pessoais). O TruckPad Pay vai funcionar totalmente pelo celular, de modo que os caminhoneiros não terão mais que lidar com os diversos cartões pré-pagos que costumam ser entregues atualmente como meio de pagamento pelos fretes.

Para as transportadoras, existe a facilidade de não precisar emitir e entregar o cartão físico, já carregado, a cada frete contratado. Além de não desembolsar todo o valor antecipadamente – o TruckPad Pay cobra das transportadoras à medida que o motorista vai utilizando o saldo de sua carteira. Já para os lojistas, a principal vantagem é não precisar de diversas maquininhas para atender os diferentes cartões.

Assim como no aplicativo TruckPad, os caminhoneiros não vão pagar nada para aderir ao TruckPad Pay. A previsão é que a forma de pagamento seja aceita em 2 mil postos de rodovias e 3 mil outros estabelecimentos, como oficinas e concessionárias pelo Brasil, até o fim deste ano.

Essa tecnologia de pagamentos é tendência no Brasil e no mundo. Um estudo da consultoria Bain, publicano no final de 2019, mostra que as e-wallets devem chegar a 28% do total de pagamentos realizados em pontos de venda em 2022. “Nosso objetivo é estar presente em todas as etapas do dia a dia do caminhoneiro, tornando sua vida mais simples. Com o TruckPad Pay, fechamos o ciclo: desde a hora em que ele busca por carga para o seu caminhão até quando recebe o pagamento e usa em peças e serviços pro seu caminhão e em seus gastos pessoais. Acreditamos em um futuro cada vez mais digital e ‘mobile’ para a logística brasileira e estamos provocando esta disrupção, eliminando etapas e intermediários”, afirma Carlos Mira, CEO e Fundador do TruckPad.

Ainda sem acordo

Previous article

Reajuste à vista

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *