Destaque

Mercedes faz moqueca alemã em Vitória!

0

Mercedes-Benz entrega 50 veículos para a renovação da frota na Região Metropolitana de Vitória

Ufa, segmento de urbanos também já está voltando aos poucos a comprar. E que o diga o pessoal da Mercedes-Benz. Foram Cinquenta ônibus Mercedes-Benz OF 1721 L, com suspensão pneumática, foram adquiridos por empresas capixabas para a renovação de frotas que operam no sistema de transporte coletivo Transcol da Região Metropolitana de Vitória. Comercializados pelo concessionário Vitória Diesel, os veículos já foram entregues aos clientes, sendo 15 unidades para a Viação Serrana e 18 para o Expresso Santa Paula, ambos pertencentes à mesma companhia, e 17 para a Unimar Transportes. Outras quatro unidades do chassi articulado O 500 MA foram adquiridas pela Viação Praia Sol.

Além da suspensão pneumática, os ônibus OF 1721 L são equipados com ar condicionado e itens como plataforma elevatória, espaço para cadeirante e banco com dimensão diferenciada, visando bem-estar e acessibilidade aos usuários. A renovação de frota atende à exigência do órgão gestor local por veículos com idade baixa para maior conforto e segurança no transporte coletivo urbano.

“O ônibus Mercedes-Benz é o que me dá o menor custo por km”

Com os 15 ônibus OF 1721 L da Viação Serrana e os 18 da Expresso Santa Paula, empresas que operam em linhas alimentadoras e troncais no Consórcio Atlântico Sul do Transcol, o grupo passa a contar com uma frota em torno de 275 ônibus, sendo cerca de 90% da marca Mercedes-Benz, essencialmente modelos OF, além de 17 articulados O 500. Recentemente, a Expresso Santa Paula adquiriu também cinco unidades do O 500 MA.

“Minha formação é de engenharia, de ciências exatas, gosto de matemática e de números. Por isso, sempre vejo o custo total de um produto até seu uso final. Escolhi então o ônibus Mercedes-Benz porque é o que me dá o menor custo por km no fim da vida útil do veículo, considerando todas as despesas com diesel, peças, manutenções, pneus e outros itens”, informa Fábio Couto de Araújo Cançado, sócio diretor das empresas Viação Serrana e Expresso Santa Paula. “Geralmente, trabalhamos com uma expectativa de 720.000 km com um ônibus, numa média de 72.000 km por ano, sempre realizando o programa de manutenção preventiva e corretiva”.

As duas viações pertencem a um grupo de empresários do setor que chegou a Vitória há 24 anos. “Mas o meu pai começou no transporte de passageiros muito antes, nos anos 1950, com um LP 312”, informa Fábio Cançado. “Ou seja, nossa ligação com a marca Mercedes-Benz vem de longa data, sempre com presença histórica de destaque nas nossas frotas”.

Segundo o empresário, “durante a pandemia, o governo do Espírito Santo vem fazendo uma gestão do transporte coletivo urbano extremamente eficiente. Mesmo com a demanda reduzida, oferecemos um serviço com quase 100% da frota, ajudando a evitar aglomerações nos ônibus. Para ajudar as empresas operadoras o governo fornece o diesel, a fim de manter a prestação desse serviço essencial à população. Assim nós ganhamos fôlego para renovar a frota. Ou seja, cada um fazendo a sua parte fica mais equilibrado para todos”.

Ainda no que se refere ao papel das empresas no combate ao Covid-19, o cliente ressalta que 100% do sistema de ônibus da Região Metropolitana de Vitória funciona com bilhetagem por cartão, evitando assim o manuseio de dinheiro vivo, o que ajuda no combate à disseminação do vírus.

Saldo ainda positivo!

Previous article

3…2…1…ônibus a GNV dá a partida!

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaque