Notícias do Dia

Nasce a Vector

0

Bunge e Target criam a empresa de logística Vector

A Bunge, uma das maiores empresas de alimentos e agronegócio do mundo, e a Target, provedora de soluções de logística e tecnologia com atuação na América do Sul, se associaram para criar a Vector, uma nova empresa com foco na digitalização do processo de contratação de frete rodoviário e outros serviços. As duas empresas colaboraram com sucesso no desenvolvimento do aplicativo de contratação de fretes Vector, lançado no ano passado e utilizado nas operações da Bunge no Brasil. Batizada com o mesmo nome do aplicativo, a nova empresa passa a oferecer, de forma independente, os serviços de logística da plataforma para outros embarcadores, aumentando a produtividade dos motoristas, a partir do mapeamento de corredores e fluxos logísticos para encontrar sinergias que permitam diminuir tempos ociosos para os caminhoneiros e reduzir custos logísticos para os embarcadores.

A plataforma Vector é a única no mercado que se integra ao sistema operacional do embarcador, se comunicando com os locais de carga e descarga. Isso permite não só o agendamento do frete como também a distribuição, via sistema, de todos os documentos de transporte, garantindo a carga ao motorista sem qualquer necessidade de contato entre as partes. A solução também elimina uma etapa presencial do processo, já que a ordem de carregamento é emitida digitalmente, na hora do aceite do frete no aplicativo.

“Com base nos dados que temos disponíveis desde que o aplicativo foi lançado sabemos que a ferramenta não apenas cria colaboração eficiente entre companhias e motoristas, mas também melhora a qualidade de vida e a renda do caminhoneiro. Vamos trabalhar para garantir que os motoristas agendem mais viagens e aumentem sua produtividade”, explica Javier Maciel, CEO da Vector.

Em pouco mais de um ano, desde que foi implantado na operação da Bunge, Vector possibilitou a digitalização de praticamente todo o processo de contratação de fretes da companhia, que movimenta cerca de 25 milhões de toneladas de grãos anualmente no Brasil. Hoje, os volumes contratados via aplicativo representam 97% de tudo o que a Bunge transporta pelo modal rodoviário no país. No acumulado desde seu lançamento, a ferramenta soma 57,5 mil downloads e 48 mil caminhoneiros cadastrados, tendo viabilizado 557 mil viagens e o pagamento de R$ 2,6 bilhões em fretes.

“Estamos liderando um movimento de transformação digital em nossas principais áreas de negócio e precisávamos de uma solução que fosse muito além de uma simples vitrine de fretes e que nos apoiasse, de fato, na automação da interação com nossos parceiros de logística. A combinação do profundo conhecimento em movimentação de commodities e escala da Bunge com a vocação de serviço, agilidade e capacidade de resposta da Target foram essenciais para o sucesso do aplicativo Vector, que agora se torna uma empresa independente”, afirma Makoto Yokoo, diretor de Logística da Bunge.

A estrutura societária da Vector prevê que ela aceite outros grandes embarcadores como sócios. A companhia também tem em seus planos oferecer a motoristas autônomos e pequenos transportadores o acesso a custos mais competitivos para produtos como peças automotivas ou serviços de manutenção e, ainda, serviços financeiros, incluindo financiamento para capital de giro, seguro para cargas e meios de pagamento. Ao integrar esse ecossistema colaborativo, o motorista passa a fazer parte de uma comunidade e a Vector usará a força dessa comunidade para oferecer oportunidades às quais o caminhoneiro não tem acesso quando atua de forma isolada.

Master completa 35 anos!

Previous article

Lubrificante com “T”

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *