Notícias do Dia

Olha o colesterol!

0

Programa Estrada para a Saúde sensibiliza caminhoneiros sobre colesterol

A CCR ViaOeste e Instituto CCR promovem uma semana de sensibilização dos caminhoneiros sobre os cuidados referentes ao colesterol. De 5 a 9 de agosto, os motoristas de caminhão serão orientados na base fixa do Programa Estrada para a Saúde, instalada no km 57 da rodovia Castello Branco, sentido capital, em São Roque. A iniciativa marca o Dia Nacional de Combate ao Colesterol, celebrado em 8 de agosto.

O coordenador médico de Atendimento Pré-hospitalar da concessionária, Marcelo Okamura, explica que o colesterol é um tipo de gordura que pode ser produzido pelo próprio organismo em vários órgãos, sendo um deles o fígado. Está presente em todas as células do corpo e exerce importante função no nosso organismo. Segundo o médico, o colesterol é fundamental para produção de hormônios sexuais, cortisona, vitamina D e parte cardíaca. “No entanto, é preciso ficar atento ao colesterol ruim, que está ligado a uma proteína que o transporta do fígado para as células e veias, onde acaba se acumulando e pode causar problemas vasculares”, ressalta.

Quando o colesterol ruim (LDL) está alto, pode haver acúmulo de gordura nas paredes dos vasos sanguíneos, formando placas de gordura, que com o tempo dificultam a passagem de sangue e causam doenças cardíacas, infarto, Acidente Vascular Cerebral (AVC), hipertensão, dentre outras. Há fatores de risco hereditários e ligados a outras doenças, como hipotireoidismo e hipertireoidismo, mas o estilo de vida sedentário, a obesidade e alimentação inadequada são grandes influenciadores na formação do colesterol ruim. Deve se acrescentar a essa lista negativa o uso de bebidas alcoólicas, principalmente cerveja e destilados, bem como o cigarro.

“Sabemos que a rotina dos caminhoneiros é bastante particular, em virtude das jornadas intensas e da distância de casa e da família. Mas é possível levar uma vida saudável, optando por alimentos adequados, como frutas, verduras e legumes”, comenta Okamura. Na lista dos alimentos perigosos para o colesterol estão os sucos artificiais, refrigerantes, bolos, biscoitos, salgadinhos, fast food e embutidos, como salsicha, linguiça e presunto.

O médico também destaca a importância da atividade física regulamente, como caminhadas e ciclismo, que são atividades que podem ser realizadas em diversos ambientes. “É fundamental realizar exames de rotina, pelo menos uma vez por ano, para acompanhar os níveis de colesterol e outros indicadores presentes no hemograma completo”, enfatiza. Todas essas dicas e orientações estarão presentes em cartazes e também no folheto que será entregue aos caminhoneiros durante a semana.

Com informações CCR

Descontos para os pais!

Previous article

Verificando a fumaça!

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *