Notícias do Dia

Transmoreira vai de Mercedes

0

Mercedes-Benz vende 90 ônibus para o Grupo Transmoreira

Em um momento como o que estamos passando, qualquer venda precisa ser comemorada. E aí quando se fala no setor de passageiros, comemoração em dobro. Já há alguns anos que acompanhamos os números e sempre estão aquém poderiam estar.

Mas, ponto para quem vende e vende vem. Por isso, os chassis de ônibus Mercedes-Benz novamente foram escolhidos pelo Grupo Transmoreira, de Contagem, Minas Gerais, para renovação de frota. O cliente adquiriu 70 unidades do modelo OF 1721 e 20 microônibus LO 916, todos direcionados à empresa Rio Negro, unidade do Grupo voltada a operações de fretamento e turismo. Mais de 40 ônibus já foram entregues e a previsão é que os demais chassis cheguem à encarroçadora até o fim de março.

Além de fretamento com a Rio Negro, o Grupo também atua com a marca Transmoreira em linhas concedidas da Região Metropolitana de Belo Horizonte, linhas municipais em Contagem e intermunicipais, num raio de até 200 km a partir da capital mineira.

“Nós temos hoje na empresa uma frota de 735 ônibus, sendo 85% Mercedes-Benz. Dessa participação, 90% são modelos com motor frontal”, diz Edward Moreira, fundador e presidente do Grupo Transmoreira, que é um fã declarado da marca. “Com 18 anos, eu comprei meu primeiro caminhão Mercedes-Benz e trabalhei como caminhoneiro por dez anos. Em 1972, troquei minha carreta por um ônibus e criei a atual empresa, que vai fazer 50 anos em 2022”.

O empresário afirma que depois do seu primeiro veículo, ele foi sempre aumentando a frota e crescendo com ônibus Mercedes-Benz. “Com 14 anos eu trabalhei num concessionário em Pará de Minas. Ali começou minha paixão pela marca”, conta Edward, que hoje divide a gestão do Grupo com a filha Adriana Moreira, diretora administrativa.

Além da ligação histórica do pai e da qualidade do produto, Adriana credita a preferência pela Mercedes-Benz também ao atendimento e suporte de pós-venda. “Os ônibus da marca são de fácil manutenção, temos reposição de peças e um relacionamento muito bom com os concessionários que nos atendem, a Cardiesel e a Minasmáquinas”, diz ela. “Essa proximidade nos traz segurança e confiança, afinal nossos ônibus não podem ficar parados. No caso de fretamento, por exemplo, eles rodam em vários turnos, de dia e de noite”.

Adriana informa que as 90 unidades dessa negociação serão destinadas ao transporte de funcionários de uma grande empresa de Minas Gerais, conforme contrato de fretamento renovado recentemente. Os 70 chassis OF 1721 adquiridos são equipados com retarder, ampliando ainda mais o padrão de segurança para os passageiros e os motoristas.

Novo CF: DAF quer o Brasil

Previous article

Nova líder na Cummins

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *