Cummins rumo à descarbonização!
Cummins anuncia nova plataforma de motores unificada para acelerar a descarbonização

A Cummins Inc. expande suas soluções tecnológicas e anuncia nova plataforma de motores unificada e otimizada para o uso de diferentes tipos de combustíveis de baixo carbono. A novidade, pioneira na indústria, prevê o compartilhamento de blocos de motores e componentes principais, numa mesma arquitetura e trata-se de mais uma inovação da líder em energia dedicada à descarbonização.

“Chegar a emissão zero não é um processo automático. As emissões de carbono que colocamos na atmosfera hoje terão um impacto duradouro. Isso significa que qualquer ação que possamos fazer para começar a reduzir nossa pegada de carbono hoje é uma vitória para o planeta. Temos que agir agora. Ter uma variedade de opções de baixo teor de carbono é especialmente importante devido aos diversos ciclos de trabalho e ambientes operacionais nos muitos mercados que atendemos. Não existe uma solução única ou que funcione para todos os tipos de aplicações ou todos os usuários finais”, diz Srikanth Padmanabhan, presidente da Cummins Engine Business.

Partes Comuns

Essas novas plataformas de motores independentes de combustível apresentarão diferentes versões derivadas de um motor de base comum, o que significa que elas têm um alto grau de semelhança de peças. Sob a junta do cabeçote de cada motor haverá componentes muito semelhantes e acima haverá componentes diferentes para diferentes tipos de combustível. Cada versão do motor funcionará com um único combustível diferente.

“Esta é uma nova maneira de projetar e desenvolver sistemas de propulsão de combustão interna de baixa emissão que atendam às necessidades específicas da indústria de transporte, aproveitando a vantagem de ter uma arquitetura de produto comum e área de cobertura sempre que possível. Esta abordagem de tecnologia exclusiva permitirá que os usuários finais escolhem perfeitamente o trem de força certo para sua aplicação com o menor impacto de CO2”, disse Jonathon White, vice-presidente de Engenharia de Negócios de Motores.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

+ dessa categoria
Rodovias 5 estrelas!

Rodovias 5 estrelas!

DNIT avança na classificação de rodovias federais pela metodologia IRAP

+ categorias