E agora tem G8 no Peru!
Marcopolo realiza exportação do G8 para o mercado peruano

A operadora Servicios Logisticos Unidos Sociedad Anonima (Waybus), de Lima, capital peruana, recebeu novos ônibus Marcopolo Paradiso G8 1800 Double Decker. Os veículos fazem parte da ampliação de frota e marcam a retomada do turismo naquele país. Os veículos foram entregues pela Mercobus, representante Marcopolo no Peru.

“Cliente Marcopolo desde 2018, a Waybus tem foco na excelência e na prestação de serviços com o mais elevado padrão de qualidade. Por isso, desde o seu início, optou por veículos Marcopolo. Possui oito Paradiso 1800 DD na frota e agora, adquiriu mais quatro unidades do G8 para iniciar a oferta de serviço leito em suas linhas”, destaca Vinicius Tregansin, gestor do mercado Latin America da Marcopolo.

Os quatro Paradiso G8 1800 DD da Waybus têm chassi Volvo B450R 6×2, com 14.400mm de comprimento total e 43 poltronas leito, sendo 31 no piso superior e 12 no piso inferior, todas com tomadas USB, cintos de segurança retráteis de três pontos e porta-copos. Os veículos são equipados com itens diferenciados para mais conforto e segurança, como dispenser de álcool em gel na entrada, geladeira de 70 litros, duas cafeteiras de 6,5 litros e aquecedor de líquidos.

Chassi Volvo e capacidade para 43 passageiros com todo o conforto

Os ônibus contam ainda com sistema de entretenimento, com cinco monitores e DVD, monitoramento, com três câmeras internas, sistema de segurança avançado do chassi e camarote para motorista auxiliar, além de parede de separação total, cortinas, itinerário eletrônico, bagageiro e porta-pacotes.

O Paradiso 1800 Double Decker é o modelo da Geração 8 mais adquirido pelos operadores de transporte, pelas suas características de segurança, conforto e eficiência, com os mais elevados padrões do mercado brasileiro, sobretudo pelos mais de 140 novos atributos para motoristas, passageiros e operadores introduzidos no segmento rodoviário. O modelo conta com design inédito, com DNA Marcopolo e coeficiente aerodinâmico de apenas 0,379, que garante menor consumo de combustível e redução na emissão dos gases do efeito estufa.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

+ dessa categoria
Rodovias 5 estrelas!

Rodovias 5 estrelas!

DNIT avança na classificação de rodovias federais pela metodologia IRAP

+ categorias