Tendência de alta!
Transporte cresce em maio, apesar do IBC-Br apontar queda na atividade econômica

O volume de serviços para o setor do transporte cresceu em maio deste ano. A evolução positiva segue a tendência de alta que o setor vem apresentando desde o segundo semestre de 2021. O desempenho do transporte em maio de 2022 foi 16,7% melhor do que em fevereiro de 2020 – período imediatamente anterior a pandemia –, percentual acima até mesmo do índice geral do PMS (8,45%). A constatação faz parte do Radar CNT do Transporte – Pesquisa Mensal de Serviços e IBC-Br – Maio/2022, lançado hoje (15) pela Confederação Nacional do Transporte.

O informe da CNT analisa a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), da qual o transporte faz parte. A PMS foi divulgada esta semana pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Sua performance em maio contrasta com a queda da atividade econômica apontada pelo Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), considerado uma prévia para o Produto Interno Bruto (PIB), do IBGE.

Para o transportador, essa movimentação econômica serve como um sinal de alerta. Embora o serviço esteja crescendo, a instabilidade do preço dos combustíveis e a queda do fluxo de veículos podem afetar o desempenho do transporte nos próximos meses.

Com informações ANTT

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Novas tarifas!

Novas tarifas!

Tarifas de linhas semiurbanas de diversas regiões do país são atualizadas

Quase real!

Quase real!

Honeywell melhora sua experiência de treinamento industrial com tecnologia de realidade aumentada

+ categorias