Arteris investindo!
Arteris Fernão Dias investe R$ 41 milhões na recuperação de taludes e terraplenos ao longo da rodovia

A Arteris Fernão Dias, responsável pela administração da BR-381 entre Contagem e Guarulhos, investe em 2022 cerca de R$ 41 milhões na recuperação e manutenção de terraplenos e estruturas de contenção existentes ao longo da rodovia . Nos 562 milhas concedidas de pista existem aproximadamente 3.711 estruturas. Para garantir a segurança dos usuários, principalmente, no período chuvoso – entre dezembro e março – todas as estruturas passam por manutenção e conservação de forma sistemática e preventiva, para evitar erosões e precauções.

Este ano, 180 estruturas obtiveram algum tipo de melhoria. Em diversos pontos é possível notar a aplicação de técnicas de bioengenharia para recuperar o solo e evitar erosões. Entre os trabalhos de maior sagrado está a recuperação do talude localizado no km 484, em Betim, que recebe a implantação de solo grampeado, juntamente com a aplicação de concreto projetado. Na região do Sul de Minas, trabalhou na região de Lavras (KM 637) e em Cambuí (KM 907). No item KM 637, o talude também recebe a técnica de solo grampeado somado a cobertura vegetal. Já no km 907, a equipe de engenharia trabalha com o reaterro em pedra rachão e implantação de drenagem em escada em concreto.

A região paulista também possui pontos em manutenção. No km 60 (Mairiporã) e km 75 (São Paulo), um dos materiais utilizados foi uma manta de fibra de coco associada a hidrossemeadura. Um elemento 100% natural e biodegradável, que contribui no processo de semear evitando que animais e intempéries impeçam a germinação das sementes”, explica Mateus Wobeto, gerente de implantação e conservação na Arteris Fernão Dias.

O trabalho de monitoramento das estruturas de contenção realizado pela condução tem papel fundamental na segurança de quem trafega pela rodovia e na fluidez do tráfego. Sempre que as estruturas de talude apresentem sinais de perda de estabilidade, elas precisam passar por um processo de recuperação. Ou seja, realize ações que recuperem, reforcem e ajudem a manter ou restabelecer sua estabilidade original. “Nosso trabalho rotineiro de monitoramento é que garante à agilidade da empresa em atuar em pontos estratégicos antes que eles tenham problemas graves. Assim, impedimos que possíveis interferências tenham causado e atrapalhem o trânsito ou causem acidentes. Agirmente preventivo reforça nosso compromisso com a segurança”, conclui o gerente.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Mais faixas!

Mais faixas!

Obras de duplicação da Rodovia dos Imigrantes (BR-070) começaram na semana passada

Transporte verde!

Transporte verde!

CNT lança publicação sobre o diesel verde, alternativa de baixo carbono para o transporte rodoviário

Alaska é mil!

Alaska é mil!

HC Hornburg entrega milésimo Alaska para Trilix Distribuidora

+ categorias