Consórcios de pesados estão nas nuvens!
Pesquisa revela que consórcio de caminhões cresce mais de 215% em vinte meses

Após a realização da Fenatran 2022, o maior Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas da América Latina, em São Paulo, a assessoria econômica da ABAC (Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios) realizou levantamento a partir de dados fornecidos pelas empresas associadas que atuam no setor de veículos pesados, no qual os transportes rodoviários de cargas estão inseridos, para avaliar o desempenho do mecanismo nesse segmento em período de 20 meses, compreendido de março de 2021 a outubro de 2022.

A pesquisa teve como foco principal o segmento de caminhões, considerando principalmente a intermodalidade e a integra??o das suas diversas categorias: dos leves, que tem acesso as areas urbanas, aos extrapesados, que cumprem longos percursos e rodam pelas estradas.

Com o cenário econômico brasileiro apresentando gradativa recuperaçao, depois de ter enfrentado a pandemia e ter vivenciado turbulências provocadas por influencias internas, como custo dos combustíveis, e por internacionais, como as consequências da guerra no leste europeu, o consórcio no transporte rodoviário de cargas pode ser referenciado como um termômetro da economia, visto que 65% de tudo que é transportado no país se dá pela via rodoviária.

A análise revelou ainda que, naqueles meses, as adesões aos consórcios demonstraram oscilações, porém com avanços constantes. Quando comparamos os números de março de 2021, com 7,92 mil novas cotas comercializadas, com os de outubro de 2022, quando foram vendidas 25,07 mil, temos um aumento de 216,5%. Para um total de 276,24 mil adesões no período analisado, a média geral ficou em 13,81 mil vendas de novas cotas.

Os picos de vendas ocorreram em setembro e outubro deste ano, quando atingiram 26,88 mil e 25,07 mil cotas, respectivamente.  Um retrato que explica o comportamento deste setor está no balanço dos consórcios de veículos pesados de outubro ultimo, onde o total de participantes ativos chegou a 612,80 mil, dos quais dois terços, 408,53 mil, objetivavam basicamente a aquisição de caminhões.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Atendendo a pedidos!

Atendendo a pedidos!

Volvo já oferece caminhões FH que podem rodar com 100% de Biodiesel

De fretado com Volare!

De fretado com Volare!

Estt Brasil Transportes e Turismo compra sete micros Volare para operação de fretamento

Assento reservado!

Assento reservado!

Avança reserva de assento a pessoa com obesidade mórbida no transporte coletivo

+ categorias