Dicas para contratar fretados!
ARTESP dá dicas para contratação de ônibus fretado durante o feriado de Carnaval

Nos feriados prolongados, como o Carnaval, cresce a procura pelo serviço de fretamento de ônibus para as viagens intermunicipais, seja para grupos de pessoas que querem curtir as praias do Estado ou àquelas que buscam curtir a folia nas cidades do interior. Nessa modalidade de transporte, o fretamento eventual, a contratação da viagem até o destino e o retorno é feita diretamente com a empresa de ônibus ao invés de cumprirem o trajeto nas linhas regulares.

No entanto, é preciso estar atento no momento da contratação, já que há empresas não habilitadas pela ARTESP – Agência de Transportes de São Paulo que oferecem o serviço de maneira irregular. Por isso, a Diretoria de Procedimento e Logística (DPL) da ARTESP, responsável pela regulação e fiscalização do Transporte Coletivo Intermunicipal de Passageiros no Estado de São Paulo, reuniu algumas dicas de como os usuários podem realizar a contratação com o máximo de segurança para garantir uma viagem segura.

O objetivo é garantir, além da segurança, o conforto e bem-estar dos passageiros e evitar a circulação de veículos irregulares. “Nosso alerta é para aqueles que vão contratar ou utilizar o serviço de fretamento nas rodovias paulistas durante o Carnaval”, afirma Luis Carlos Moraes Caetano, diretor de Procedimentos e Logística da ARTESP. “Dessa forma, além de garantir a segurança durante as viagens, nosso principal objetivo é prezar por aqueles que vão utilizar os veículos de fretamento, muito procurados durante esse período”, ressalta Luis.

Fretamento de veículos

Nessa modalidade de transporte não há cobrança individual de passagem e os preços e horários são acordados entre contratante e contratada. A venda individual de bilhetes é atribuição das empresas do Serviço Regular – que tem partida em terminais rodoviários ou outros pontos regulamentados de embarque e cumprimento de tabela de horários de viagens. Quando o fretado é flagrado realizando transporte fora do previsto na legislação há apreensão do veículo e aplicação de multa. No geral, os passageiros são levados a um Terminal Rodoviário, para que, com conforto e segurança, sejam alocados em ônibus de linhas regulares para continuarem a viagem.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Mais faixas!

Mais faixas!

Obras de duplicação da Rodovia dos Imigrantes (BR-070) começaram na semana passada

Transporte verde!

Transporte verde!

CNT lança publicação sobre o diesel verde, alternativa de baixo carbono para o transporte rodoviário

Alaska é mil!

Alaska é mil!

HC Hornburg entrega milésimo Alaska para Trilix Distribuidora

+ categorias