Duplicação liberada!
DNIT libera mais segmentos duplicados entre Lindoeste e Santa Lúcia no Paraná

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) liberou mais segmentos duplicados entre Lindoeste e Santa Lúcia, na BR-163, no estado do Paraná. Ao todo já foram liberados 22,42 Km, faltando mais 2,4 quilômetros de trechos duplicados. Os trechos são referentes às obras de ligação dos agulhamentos.

Até o final de abril será liberado mais um trecho do km 148 ao Km 148,6 e mais 1,8 quilômetros de duplicação, incluindo a ligação para a nova ponte, do km 127 ao km 129, sentido Realeza. A nova ponte fica localizada no limite entre Capitão Leônidas Marques e Marmelândia (Realeza).

O DNIT segue trabalhando na elaboração de estudos para o projeto do retorno do km 159, comunidade Cerro Azul, em Lindoeste. Para conclusão da duplicação e implantação do Contorno de Lindoeste estima-se a aplicação de 220 milhões.

Também na BR-163, a autarquia entregou 6 km de vias marginais, entre Toledo e Marechal Cândido Rondon, no estado do Paraná. Essas obras fazem parte da duplicação que está sendo executada entre Toledo e Marechal. Esta duplicação da rodovia foi projetada para atender a zona industrial dos municípios, sendo que R$ 350 milhões já foram investidos. Além disso, mais R$ 105 milhões devem ser investidos para a conclusão da obra.

Com informações Dnit

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Novas tarifas!

Novas tarifas!

Tarifas de linhas semiurbanas de diversas regiões do país são atualizadas

Quase real!

Quase real!

Honeywell melhora sua experiência de treinamento industrial com tecnologia de realidade aumentada

+ categorias