Pneumáticos em queda!
Pneus de carga encerram trimestre com quase 16% menos vendas que o trimestre de 2022

As vendas totais de pneus encerraram o primeiro trimestre de 2023 com ligeira alta de 0,8% no comparativo com o mesmo período de 2022, passando de 13,8 milhões para 13,9 milhões de unidades negociadas. A comercialização de pneumáticos para montadoras subiu 5,3% (3,2 milhões para 3,3 milhões de unidades) enquanto as vendas para reposição registraram leve queda, de 0,6%. Os dados fazem parte do levantamento setorial divulgado pela Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP).

Por segmento, a principal queda nos três primeiros meses do ano foi do setor de pneus de carga. Ao todo foram comercializadas cerca de 1,6 milhão de unidades de janeiro a março, apontando para um resultado 15,8% menor que no mesmo período do ano anterior, quando foram vendidas 1,9 milhão de unidades. As vendas para reposição no setor caíram 17,1% (1,2 milhão) quando comparadas com 2022 (1,4 milhão). Já para as montadoras a queda foi de 11,5%, reduzindo de 453 mil para 401 mil unidades comercializadas.

“O setor de pneumáticos prevê um ano difícil. O cenário econômico instável, a alta taxa de juros e a queda nas vendas dos veículos trazem um momento mais desafiador. De qualquer forma, esperamos que esse momento de desequilíbrio possa ser revertido de forma rápida”, diz Klaus Curt Müller, presidente executivo da ANIP.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
ALMAX é 10!

ALMAX é 10!

Linha de lubrificantes ALMAX da VWCO completa 10 anos de mercado

Locação é o negócio!

Locação é o negócio!

Cabral & Sousa vê resultados e contrata mais 20 Transit por assinatura do Ford Go Frotas

Entregas finalizadas!

Entregas finalizadas!

Marcopolo finaliza a entrega de 174 ônibus para a Grupo Viação Garcia/Brasil Sul

+ categorias