Deixa que vou sozinho!
Marcopolo apresenta primeiro protótipo de um Volare Attack 8 autônomo da América do Sul

Olho no futuro com o presente tecnológico. Assim se guia a Marcopolo, que por meio da Marcopolo Next,e em parceria com a Lume Robotics, startup brasileira de mobilidade autônoma, apresenta o primeiro protótipo de micro-ônibus autônomo da América do Sul. 

Resultado de dois anos de estudos, um  Volare Attack 8 agora pode operar de forma completamente autônoma, sem a necessidade de intervenção ou monitoramento remoto. A tecnologia pode ser programada para operar na faixa ideal de eficiência, o que permite uma redução no consumo de combustível e na emissão de poluentes, com alto nível de segurança e conforto.

“Reforçamos o nosso protagonismo no desenvolvimento de soluções em mobilidade e demos mais um passo importante na história da companhia. Investimos em soluções pensadas nos passageiros, nos desafios das cidades modernas, e o veículo autônomo é um exemplo de inovação alinhada a uma tendência global”, pontua André Vidal Armaganijan, CEO da Marcopolo.

Protótipo tem capacidade para 21 passageiros

“Na companhia, olhamos atentamente para o futuro da mobilidade e buscamos atuar com tecnologias de ponta, identificando oportunidades de mercado, novas áreas de ação e inovações. Além de ser uma tendência, uma vez que os veículos de passeio já avançam para direção autônoma, acreditamos ser uma alternativa moderna e eficaz”, acrescenta.

O desenvolvimento do protótipo, com capacidade para 21 passageiros, tem apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (FAPES) e conta com um sistema robótico avançado para trafegar de modo autônomo em situações específicas, como circuitos fechados de baixa velocidade. 

Testes

Os ciclos de testes do protótipo iniciaram em dezembro de 2022. Com o sucesso da etapa inicial, ocorreu a primeira avaliação em ambiente operacional real em março deste ano, na siderúrgica ArcelorMittal Tubarão, selecionada como cliente-parceiro testador.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
+ categorias