Uma baciada de DD!
Ônibus Double Decker amplia presença no mercado nacional com a Geração 8 da Marcopolo

O lançamento da Geração 8 de ônibus rodoviários da Marcopolo está transformando o cenário do transporte brasileiro e fazendo com que a participação de ônibus Double Decker cresça de maneira mais rápida e consistente. Há alguns anos, apenas 10% dos DDs produzidos pela empresa destinavam-se ao mercado brasileiro. Era fácil viajar pela Argentina, Chile, Uruguai e se deparar com muitos DD’s que por lá transitavam. Mas agora o cenário está mudando. Mais de 50% são para operadores nacionais.

“Mesmo antes do lançamento da Geração 8, já víamos esse movimento de mercado e tínhamos a expectativa de uma procura forte por DDs mais sofisticados, mas está se mostrando ainda mais positiva”, salienta Ricardo Portolan, diretor de Operações Comerciais MI e Marketing da Marcopolo. “Desde o lançamento da G8, a maioria dos pedidos é pelo modelo 1800 DD, o que representa uma mudança no comportamento dos clientes que antes compravam mais o modelo Paradiso 1200”, explica.

“Da produção da Marcopolo de ônibus rodoviários em 2021, o modelo Double Decker representou mais de 50% do volume. E desse volume, quando consideramos apenas a Geração 8, a participação do  modelo é mais expressiva, superando 70% das vendas”, enfatiza Portolan.

Segundo o executivo, essa mudança no comportamento dos operadores é um importante sinal de que o transporte rodoviário está em plena transformação para oferecer cada vez mais segurança, conforto e comodidade para atrair mais usuários, inclusive os que optavam pelo transporte aéreo. “Para viagens de médias distâncias, como São Paulo-Rio de Janeiro ou mesmo São Paulo-Belo Horizonte, muitas pessoas estão preferindo o ônibus, pelo conforto e praticidade, o que tem feito com que os operadores intensifiquem a aquisição de DDs, com poltronas leito e diferentes classes de serviço”.

Há muitos anos, a Marcopolo vem dedicando especial atenção à evolução do transporte rodoviários e à mudança no perfil dos passageiros, focando no desenvolvimento de produtos, soluções e até serviços que tornem a experiência de todos muito melhor. Do passageiro ao operador, passando pelo motorista, mecânicos e demais profissionais envolvidos em toda a cadeia produtiva.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

+ dessa categoria
Rodovias 5 estrelas!

Rodovias 5 estrelas!

DNIT avança na classificação de rodovias federais pela metodologia IRAP

+ categorias