Quero um coletivo de respeito!
Mercedes-Benz e parceiros juntos contra o assédio e importunação sexual de mulheres no transporte coletivo

Mais uma campanha que merece ser tirado o chapéu e aplausos de pé. A Mercedes-Benz do Brasil está literalmente ouvindo as vozes das estradas e das ruas e com vários parceiros acaba de criar a campanha “Coletivo de Respeito”. A importantíssima campanha visa sensibilizar a sociedade para uma mudança efetiva na realidade das mulheres no dia a dia dos transportes coletivos, especialmente nos ônibus. Para isso, o acolhimento e proteção às vítimas serão feitos por meio do trabalho desenvolvido pelo Projeto “Justiceiras”, organização que atua no combate à violência contra a mulher. O primeiro contato para denúncia ou busca por apoio será feito por meio de um canal exclusivo e criado especialmente para importunação sexual de mulheres nos transportes coletivos.

Toda a gestão do canal de denúncia e dos acolhimentos será realizada pelas voluntárias do Projeto “Justiceiras”, que prestará atendimento online multidisciplinar nos âmbitos jurídico, médico, psicológico e socioassistencial. Desde 2020, as “Justiceiras” já atenderam mais de 13.500 vítimas, contando para isso com aproximadamente 15.000 mulheres voluntárias cadastradas.

Alinhamento com princípios ESG

“Esse projeto é fruto de mais uma iniciativa de colaboradores da nossa Empresa, que encontraram nas Justiceiras a parceira ideal para este propósito”, afirma Kathrin Pfeffer, CFO da Mercedes-Benz América Latina. “Aqui na Mercedes-Benz, contamos com um grupo multifuncional focado em inovação disruptiva e novos negócios. Esse time gera dentro de casa as mais variadas soluções ligadas a transporte, mobilidade, pessoas e sociedade, visando resolver ou minimizar algumas demandas do dia a dia. É o que ocorre agora com o Coletivo de Respeito. A ideia surgiu ao mapearmos algumas dores da sociedade e o assédio no transporte público é uma delas”.

“O objetivo do nosso grupo multifuncional é incentivar e reforçar o espírito pioneiro, promover a cultura da inovação e levar novas ideias para ruas e estradas, sempre com foco na qualidade de vida, responsabilidade social e no ecossistema do transporte responsável”, diz Kathrin Pfeffer. “Queremos ajudar a resolver problemas da sociedade por meio da força da marca Mercedes-Benz, em total alinhamento com os princípios ESG da nossa Companhia”.

A equipe interna de voluntários na Mercedes-Benz do Brasil é formada por 22 líderes de todas as diretorias da Empresa, dos quais seis são responsáveis pelas ações diretas do Coletivo de Respeito. “Nós entendemos que ao ajudar a passageira, também estamos cuidando do ônibus e consequentemente do nosso negócio, mas principalmente visamos a redução dos índices de assédio no transporte público”, ressalta Kathrin Pfeffer. “Esse comprometimento está totalmente alinhado ao posicionamento da nossa unidade de ônibus: Pensando no coletivo. Pensando no futuro!”.

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Mais uma boa venda!

Mais uma boa venda!

Rápido Sumaré receberá primeiros 55 chassis 17-280 da Iveco Bus para atuar no interior do estado de SP

Rio Branco “careira”!

Rio Branco “careira”!

Complexidade do mercado faz Rio Branco voltar a ser a capital com diesel mais caro do país

Tector está renovado!

Tector está renovado!

Iveco mexe no Tector e apresenta novo design e melhorias em conforto para o motorista

+ categorias