Números em queda!
Vendas de pneus encerram primeiro semestre com queda de 3,4%

As vendas totais de pneus registraram queda de 3,4% no primeiro semestre de 2023 em comparação com o mesmo período do ano anterior, caindo de 28,58 milhões para 27,61 milhões de unidades vendidas. As vendas para montadoras subiram 0,8% (6,84 milhões para 6,89 milhões) enquanto o mercado de reposição caiu 4,7% (21,75 milhões para 20,72 milhões), de acordo com a Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP).    

Entre os segmentos, o que registrou a maior queda no primeiro semestre de 2023 foi o setor de pneus de carga. No total foram comercializadas 3,31 milhões de unidades, número 15% menor que o mesmo período de 2022, quando foram vendidos 3,89 milhões de pneus. As vendas para montadoras tiveram recuo de 18,1% (949 mil para 777 mil). Já as comercializações para reposição caíram 14,1% (2,95 milhões para 2,53 milhões).  

“Os números do primeiro semestre mostram que o setor ainda enfrenta um cenário de recuperação difícil, principalmente para o segmento de pneus de carga. A economia instável, a alta taxa de juros e a queda do dólar interferem diretamente nos resultados do setor. Aguardamos, com cautela, uma recuperação no segundo semestre”, diz Klaus Curt Müller, presidente executivo da ANIP.   

Junho fecha com queda nas vendas 

Na comparação com o mês anterior, as vendas totais de junho tiveram queda de 7,4%, com as principais retrações sendo registradas nas vendas para pneus de passeio (-9,8%) e pneus de carga (-7,9%).

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Diesel R5 com tudo em SP!

Diesel R5 com tudo em SP!

Petrobras dá início à comercialização de diesel com conteúdo renovável em São Paulo

25 anos de tortilhas!

25 anos de tortilhas!

Marcopolo México celebra 25 anos e anuncia produção nacional de ônibus elétricos e rodoviários

+ categorias