BR-163/SC restaurada!
DNIT conclui restauração de 12 km na BR-163/SC

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) concluiu na ultima sexta-feira (30), a restauração do pavimento de um trecho de 12 km na BR-163/SC, no Extremo-Oeste de Santa Catarina. O segmento recebeu uma camada de 23 cm de concreto aplicada diretamente sobre o asfalto em uma técnica inovadora chamada de whitetopping. Com o aumento da plataforma da rodovia, o concreto foi aplicado na pista principal, terceiras faixas e acostamentos.

Além do pavimento recém-construído, o trecho que inicia no km 98 e vai até o km 110, entre os municípios de São José do Cedro e Guarujá do Sul, ainda recebeu nova sinalização vertical e horizontal, marginais em pavimento flexível (asfalto), paisagismo, dispositivos de drenagem, canteiros e sarjetas, entre outras melhorias.

O segmento contempla a passagem urbana por São José do Cedro, onde já havia sido inaugurado um viaduto e duas rótulas de acesso a São José do Cedro e a Princesa, e integra 5 km de terceiras faixas e 4 km de marginais em trechos estratégicos para o fluxo de veículos.

Importância da rodovia – A BR-163/SC é uma das principais rodovias do país e faz a ligação norte-sul atravessando diversos estados do Sul, Centro-Oeste e Norte. Em Santa Catarina, a rodovia é muito utilizada para transporte de insumos do agronegócio, como o milho, trazido do Paraná, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Por isso, o trecho tem fluxo intenso de carretas, caminhões e bitrens, e representa um corredor logístico importante para a economia de toda a região.

Com informações Dnit

Compartilhe essa matéria em suas redes sociais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ dessa categoria
Novas tarifas!

Novas tarifas!

Tarifas de linhas semiurbanas de diversas regiões do país são atualizadas

Quase real!

Quase real!

Honeywell melhora sua experiência de treinamento industrial com tecnologia de realidade aumentada

+ categorias